Exclusivo

Fundo aprovou mais de 333 mil euros por viagens canceladas

Fundo aprovou mais de 333 mil euros por viagens canceladas

Insolvência de uma das maiores agências dedicadas a deslocações de finalistas deixa 3,3 milhões em dívida. Este ano chegaram 226 queixas ao Turismo de Portugal.

Desde abril de 2020, o Fundo de Garantia de Viagens e Turismo (FGVT) teve de pagar mais de 333 mil euros por incumprimento das agências devido a cancelamentos durante a pandemia: quase 53 mil euros em 2020 e mais de 270 mil euros no ano passado.

Desde 1 de janeiro, deu parecer favorável a mais seis requerimentos no valor global de quase 9300 euros - quatro resultam de parecer favorável da Comissão Arbitral do Turismo de Portugal, dois de decisões de tribunais arbitrais de consumo.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG