21.11.2019

Fotogaleria

Imagens da manif dos polícias em que "Zero" é a palavra de ordem

Imagens da manif dos polícias em que "Zero" é a palavra de ordem

Milhares de agentes da PSP e militares da GNR concentraram-se, ao início da tarde desta quinta-feira, no Marquês de Pombal, de onde partiram em direção à Assembleia da República, exibindo várias tarjas com mensagens dirigidas ao Governo.

"Zero" foi a palavra de ordem ouvida durante o percurso, em alusão ao Movimento Zero, um movimento social criado em maio deste ano por elementos da PSP e da GNR que dizem lutar pela "valorização, dignidade e respeito" das forças de segurança. Palavras que estão, inclusive, inscritas numa tarja branca grande que a primeira linha da manifestação carregou nas mãos até ao Parlamento, onde chegou por volta das 16 horas.

O grupo distribuiu t-shirts brancas que acabaram por ser usadas pela maioria dos agentes e militares que aderiram ao protesto.

Segundo fonte da organização, pelo menos 20 autocarros vindos da região Norte levaram manifestantes até Lisboa.

Entre as reivindicações da classe policial e militar da GNR está o pagamento do subsídio de risco, a atualização salarial e dos suplementos remuneratórios, e mais e melhor equipamento de proteção pessoal.