O Jogo ao Vivo

Saúde

Governo dá mais um ano às receitas médicas em papel

Governo dá mais um ano às receitas médicas em papel

Prazo para a prescrição de receitas em papel terminou em junho deste ano, mas o Ministério da Saúde vai estender essa possibilidade até 30 de junho de 2022.

"Considerando a atual situação pandémica, a portaria que possibilita a prescrição excecional de medicamentos por via manual irá ser prorrogada até dia 30 de junho de 2022", garantiu ao JN o Ministério da Saúde, revelando ainda que a portaria produz "efeitos desde o dia 1 de julho de 2021".

A prorrogação do prazo para usar receitas manuais já tinha sido pedida pela Ordem dos Médicos que, em comunicado, denunciou a existência de profissionais "impedidos de continuar a sua atividade" devido à não renovação da portaria. Segundo a Ordem dos Médicos, atualmente, as receitas em papel são passadas por "um pequeno número de médicos" que, por devido à sua idade, têm "dificuldades de adaptação aos meios informáticos".

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG