Nacional

Governo fez mal ao conceder tolerância de ponto, diz Passos Coelho

Governo fez mal ao conceder tolerância de ponto, diz Passos Coelho

O presidente do PSD criticou, quinta-feira, a decisão do Governo de conceder tolerância de ponto esta tarde, em véspera de fim de semana prolongado e numa altura em que Portugal está a pedir ajuda financeira à Europa.

O Governo decidiu conceder tolerância de ponto aos trabalhadores que exerçam funções não essenciais nos serviços da administração central e dos institutos públicos no período da tarde de hoje, por ser quinta-feira santa.

No final de uma visita a uma delegação da Cruz Vermelha Portuguesa, na Parede, no concelho de Cascais, questionado pelos jornalistas se concorda com esta decisão, Pedro Passos Coelho respondeu: "Eu creio que o Governo fez mal quando concedeu esta tolerância de ponto".

"Já temos um fim de semana bem prolongado, que começa com a sexta-feira de Páscoa, com a sexta-feira santa, e que vai até ao 25 de Abril, que calha a uma segunda-feira, e, portanto, o país não precisava, numa altura em que está a pedir a toda a gente na Europa que o ajude porque não é um país ainda suficientemente competitivo, porque não somos suficientemente produtivos", considerou.

Segundo o presidente do PSD, "na prática, o que o Governo disse foi: façam mais um dia de feriado, porque o país é suficientemente rico para poder ter mais um dia de descanso".

"É um mau sinal, é um sinal negativo, que tenho pena que tenha ocorrido", reforçou Passos Coelho.

Interrogado se vai de férias neste fim de semana, o presidente do PSD respondeu: "Não, vou estar com a minha família".

PUB

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG