Pandemia

Governo prepara "task-force" para analisar o comportamento dos portugueses

Governo prepara "task-force" para analisar o comportamento dos portugueses

A equipa, liderada por Margarida Gaspar de Matos, da Faculdade de Motricidade Humana da Universidade de Lisboa, vai produzir estudos e documentos que ajudem o Governo a chegar à população de forma mais eficaz.

O Governo vai passar a contar com a ajuda de um grupo de cientistas comportamentais para que a mensagem transmitida aos portugueses quanto às atitudes a adotar no combate à pandemia seja mais eficaz, avança o jornal Público.

Esta "task-force", não remunerada, será coordenada por Margarida Gaspar de Matos, da Faculdade de Motricidade Humana da Universidade de Lisboa.

Da equipa fazem ainda parte António Silva, do Instituto Superior de Economia e Gestão, Cristina Godinho, da Faculdade de Ciências Humanas da Universidade Católica, Duarte Sequeira, dos Serviços Partilhados do Ministério da Saúde, Marta Moreira Marques, do "Trinity Centre for Practice and Healthcare Innovation", Miguel Arriaga, da Direção-Geral da Saúde, Osvaldo Santos, do Instituto de Medicina Preventiva e Saúde Pública da Faculdade de Medicina de Lisboa e Rui Gaspar, da Faculdade de Ciências Humanas da Universidade Católica.

O grupo pretende contribuir para "uma mudança de comportamentos individuais e coletivos", assegurando que os portugueses sejam consciencializados para as atitudes que devem adotar não só agora mas no período pós-pandemia.

O trabalho será feito através da análise das flutuações "nos comportamentos de prevenção dos riscos de contágio pelo vírus SARS-CoV-2, em diferentes momentos e contextos sociais e por diferentes pessoas".

PUB

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG