Em Atualização

Governo reforça Serviço Nacional de Saúde com 745 milhões de euros

Governo reforça Serviço Nacional de Saúde com 745 milhões de euros

O Governo anunciou que vai reforçar o Serviço Nacional de Saúde (SNS) "com mais 745 milhões de euros, tendo em vista a redução da dívida e o aumento da capacidade de resposta".

Em comunicado enviado às redações esta quinta-feira de manhã, o Executivo explica que "do valor total, 630 milhões de euros destinam-se aos hospitais e 115 milhões às Administrações Regionais de Saúde (ARS)."

Este é o segundo reforço do SNS decretado pelo Governo, que em agosto já tinha injetado 350 milhões de euros extra no Serviço Nacional de Saúde. No total, o reforço em 2021 ultrapassa os mil milhões de euros.

"Este reforço surge num ano de grande esforço financeiro resultante da pandemia de covid-19, nomeadamente na recuperação da atividade assistencial, no financiamento de testes de deteção da covid-19, ou no esforço adicional de vacinação", lê-se no documento, no qual o Executivo adianta que foram realizadas quase 30 milhões de consultas médicas em cuidados de saúde primários e 590 mil cirurgias, os valores mais elevados de sempre, e mais de 10 milhões de consultas hospitalares.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG