Covid-19

Idosos com mais de 80 anos vacinados até ao final de março

Idosos com mais de 80 anos vacinados até ao final de março

A ministra da Saúde anunciou que termina esta semana a primeira fase de vacinação nos lares e unidades de cuidados continuados. Na próxima semana serão vacinados bombeiros, titulares de órgãos de soberania e as pessoas com mais de 50 anos e determinadas doenças.

O Plano de Vacinação contra a covid-19 vai acolher um novo grupo prioritário, os mais idosos. O anúncio foi feito, esta tarde de segunda-feira, pela ministra da Saúde, após uma reunião com a Task-Force que coordena o plano.

Marta Temido referiu que o plano de vacinação está a ser atualizado para integrar, ainda na primeira fase, as pessoas com mais de 80 anos.

Numa conferência de imprensa para atualizar dados sobre o plano de vacinação, a ministra confirmou que esta semana vão chegar 99.450 doses da Pfizer. Até à data o país já recebeu 411.700 doses e até às 19 horas do último domingo tinham sido registadas 255.700 inoculações.

Marta Temido detalhou que até esta segunda-feira foram imunizados 160 mil utentes e profissionais de lares de idosos e unidades de cuidados continuados, prevendo-se que a vacinação nestas estruturas termine esta semana, com exceção das unidades onde há surtos de covid-19.

Quanto aos profissionais de saúde referiu que, até ao final de janeiro, serão vacinados 100 mil Serviço Nacional de Saúde (SNS), do INEM, do Instituto Ricardo Jorge, do Instituto Português do Sangue e da Transplantação, do Hospital das Forças Armadas, do Instituto Nacional de Medicina Legal, dos estabelecimentos prisionais e dos hospitais privados e do setor social, que recebem doentes covid-19 em colaboração com o SNS.>

PUB

No início da próxima semana, referiu a ministra, começam a ser vacinadas as pessoas com mais de 50 anos e patologias que podem agravam o desfecho da covid-19 (Doença coronária, insuficiência cardíaca, insuficiência renal e Doenças Pulmonar Obstrutiva Crónica), que também fazem parte da primeira fase do plano.

Paralelamente, iniciar-se-á também na próxima semana, a vacinação dos bombeiros e profissionais dos serviços essenciais, onde se integram os titulares de órgãos de soberania.

A primeira fase inclui também profissionais das Forças Armadas e forças de segurança.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG