O Jogo ao Vivo

Boletim DGS

Incidência continua a subir em dia com mais de dois mil novos casos

Incidência continua a subir em dia com mais de dois mil novos casos

Portugal registou, nas últimas 24 horas, mais 2216 casos de covid-19 e 14 mortes associadas à doença. Hospitalizações em tendência crescente.

Depois dos 3786 contágios comunicados pela Direção-Geral da Saúde (DGS) no domingo, o boletim desta segunda-feira dá conta de 2216 novos casos, número superior ao da passada segunda-feira, quando foram contabilizados 1635 positivos.

Contrariando a tendência das últimas semanas, foi a região do Norte a contabilizar a maioria dos infetados, com 683, seguindo-se Lisboa e Vale do Tejo com 662, o Centro com 480, o Algarve com 218, a Madeira com 106, o Alentejo com 50 e os Açores com 17.

O número de óbitos, 14, é o valor mais baixo registado nos últimos três dias. Desde sexta-feira que o número de vítimas mortais por covid-19 estava acima dos 20. No Algarve foram registadas cinco mortes, na região de Lisboa quatro, no Norte três e no Centro duas.

Desde o início da pandemia 18 551 pessoas morreram, 1 169 003 contraíram a doença e 1 088 295 recuperaram, 1408 delas nas últimas 24 horas. O número de casos ativos subiu para 62 157: mais 794 do que ontem.

PUB

Hospitalizações em tendência crescente

Os infetados a precisar de tratamento hospitalar são agora 948, mais 37 do que ontem. Desde o dia 2 de agosto que as hospitalizações não eram tão elevadas (968). Na segunda-feira passada, o número de hospitalizações era de 809, portanto numa semana os doentes hospitalares aumentaram em 139.

Em Unidades de Cuidados Intensivos estão agora 135 pacientes, apenas mais um do que o valor do boletim anterior. Há uma semana eram 111.

Em dia de atualização da matriz de risco, a incidência de novos casos por cem mil habitantes nos últimos 14 dias subiu para 410,4 (374 na sexta-feira) e o risco de transmissibilidade Rt desceu para 1,10 (1,13 na atualização anterior).

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG