Automóveis

Inspeções de veículos serão válidas por mais três meses

Inspeções de veículos serão válidas por mais três meses

A data limite para a Inspeção Periódica Obrigatória (IPO) dos veículos poderá ser prolongada até três meses para viaturas com data de inspeção posterior ao passado dia 11. O JN sabe que ainda decorrem reuniões entre os centros de inspeções, o Governo e o IMT, mas que o quadro legal poderá estar definido entre amanhã, quarta-feira, e o dia seguinte.

O documento, que decorre de diversas reuniões entre a Associação Nacional dos Centros de Inspeção Automóvel, a Secretaria de Estado da Mobilidade e o Instituto da Mobilidade e dos Transportes, vai dar enquadramento legal à prorrogação das fichas de inspeção de cada viatura, que se afigura essencial no quadro da prevenção do Covid-19.

O processo tem sido complexo, envolvendo igualmente as seguradoras, mas o documento estará quase fechado. "É essencial este enquadramento legal, pois, em caso da declaração do Estado de Emergência, as pessoas não vão poder sair de casa, inviabilizando a realização da IPO. Em caso de algum incidente, haveria problemas com as seguradoras e mesmo com as autoridades", referiu ao JN uma fonte ligada ao setor.

O JN sabe que tem havido reclamações por parte de proprietários de viaturas pelo facto de o inspetor ter de se sentar ao volante para a realização de alguns testes, o mesmo se aplicando aos profissionais, obrigados a entrar em dezenas de viaturas por dia, sem saber da condições de saúde do seu proprietário.

"Os centros já aplicam medidas de contingência, com os inspetores a usarem luvas e os centros a disponibilizarem desinfetantes de mãos, mas o risco existe sempre e é preferível suspender as inspeções", sublinhou a mesma fonte.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG