Nacional

A gafe de António Costa na cimeira europeia

A gafe de António Costa na cimeira europeia

António Costa cometeu, este domingo, uma gafe na cimeira UE-Turquia sobre migrações. Enganou-se na data da fundação da NATO e nos países fundadores da Organização do Tratado do Atlântico Norte.

"A Turquia é um velho e estratégico aliado de Portugal, nosso parceiro como membro fundador da NATO, em 1959, e, portanto, tudo o que seja o estreitamento da relação entre a UE e a Turquia é algo que importa a Portugal, e Portugal naturalmente estará empenhado em que esse relacionamento se possa estreitar", disse António Costa, à chegada à cimeira de Bruxelas, segundo um texto da agência Lusa.

Ora, a NATO foi fundada a 4 de abril de 1949 e a Turquia não foi um dos países fundadores da Aliança Atlântica, tendo aderido apenas em 1952.

A curta cimeira desta domingo, que durou cerca de três horas, visou tratar sobretudo do fortalecimento da cooperação entre o bloco europeu e a Turquia para uma melhor gestão dos fluxos migratórios, com a oficialização de um fundo de três mil milhões de euros que a União presta a Ancara em troca da sua ajuda gerir os fluxos de refugiados oriundos da Síria.

Imobusiness