Expressões

Alunos conhecem enunciados cinco dias antes das provas de aferição

Alunos conhecem enunciados cinco dias antes das provas de aferição

Os enunciados das provas de aferição de Expressões que vão realizar-se a partir da próxima terça-feira, 2 de maio, pelos alunos do 2º ano, chegam esta quinta-feira às escolas. O Ministério da Educação decidiu divulgar antecipadamente os guiões para garantir a equidade dos primeiros a realizar a avaliação.

O secretário de Estado da Educação, João Costa, garantiu esta quarta-feira aos jornalistas no Ministério da Educação não ter indicação de haver alguma escola de 1º ciclo que não possa realizar as provas até porque, frisou, a aferição é obrigatória apesar de não contar para a nota final dos alunos.

Pela primeira vez, em Portugal e na Europa, vão realizar-se provas nacionais e obrigatórias a Expressões (Físico-Motora e Artísticas) e são, precisamente essas, que vão realizar-se entre 2 e 9 de maio.

Vão ser provas práticas, sem registo audio ou vídeo, que vão ser observadas por equipas de dois professores classificadores. Os alunos terão de fazer exercícios individualmente mas também em grupo.

"Estas provas não são passíveis de um treino intensivo para uma boa performance, nem de memorização rápida", por isso, e por não se realizarem todas ao mesmo tempo, a tutela decidiu divulgar os enunciados antes, explicou Hélder Sousa, diretor do Instituto de Avaliação Educativa (Iave) - responsável pela realização das aferições e exames.

Muitos estabelecimentos de 1º ciclo não possuem todos os materiais necessários para a realização da prova de Educação Física, alguns pediram emprestado às escolas sede dos agrupamentos, noutros casos câmaras e freguesias investiram na sua aquisição. Para João Costa, as provas "vão tirar uma fotografia ao sistema". Ou seja, insistiu, vai perceber-se "se um aluno teve ou não condições para realizar as tarefas" e treinar para elas. Se for detetada alguma falha ao nível do cumprimento do currículo, podem resultar na aprovação de novas medidas ou orientações, admitiu.

ver mais vídeos