Incêndios

Avião russo assusta no Minho

Avião russo assusta no Minho

O abastecimento de um avião russo no rio Minho, esta segunda-feira de manhã, assustou população na margem espanhola, que confundiu a operação com a queda do aparelho.

Autoridades portuguesas e espanholas receberam chamadas de populares a alertar para o alegado acidente aéreo, pelo que, segundo fonte do Comando Territorial da GNR de Viana do Castelo, foram destacados meios para o local.

"O posto de Valença recebeu chamadas de residentes de Tomiño (Galiza). As pessoas assustaram-se porque não estão habituadas a ver aviões desta dimensão e pensavam que estava a cair. Fomos lá, mas verificou-se que era o avião a abastecer", referiu a fonte, acrescentando que o meio aéreo em causa, dos dois Beriev (Be-200) que chegaram a Portugal no sábado, esteve esta segunda-feira de manhã a dar apoio no combate a incêndios na Galiza.

O Be-200 é uma aeronave anfíbia multifunções, de grandes dimensões, que abastece em rios e barragens em pleno voo e tem capacidade para 12 mil litros de água, mais do dobro do Canadair.

ver mais vídeos