Estudo

Cocaína torna difícil esquecer coisas irrelevantes

Cocaína torna difícil esquecer coisas irrelevantes

Os consumidores de cocaína têm mais dificuldade em esquecer coisas irrelevantes, o que afeta a sua capacidade de deixar o vício, afirmaram cientistas espanhóis e holandeses.

Os investigadores do Centro de Investigação da Mente, Cérebro e Comportamento, das universidades de Granada e Leiden, sugerem que a cocaína pode alterar o controlo da mente para esquecer informações irrelevantes ou persistentes.

Entre estas encontram-se os pensamentos intrusivos ou repetitivos que levam viciados em cocaína a consumir reiteradamente, tornando a desintoxicação mais difícil.

A experiência incidiu sobre consumidores ocasionais, viciados e pessoas que nunca consumiram drogas.

Confrontados com uma lista de palavras a recordar e outra de palavras a esquecer, os consumidores não conseguiram esquecê-las intencionalmente.

As palavras que não conseguiram esquecer pareciam interferir com as relevantes, tornando mais difícil recordar a informação relevante.

O consumo prolongado da cocaína altera as zonas do cérebro responsáveis pela seleção e processamento de informação.

ver mais vídeos