EDP

Energia elétrica reposta na maioria das localidades

Energia elétrica reposta na maioria das localidades

A EDP Distribuição informou, esta quarta-feira, que foi restabelecido quase na totalidade o fornecimento de energia elétrica a várias localidades dos distritos de Bragança, Vila Real e Viseu, afetadas pelo mau tempo, sendo a situação mais complicada em Miranda do Douro.

Num comunicado enviado à Lusa, a EDP lembra que durante a última noite diversas localidades dos três distritos foram afetadas pelas condições climatéricas, tendo-se registado nomeadamente "a quebra significativa de postes e linhas de Alta e Média Tensão por excesso de peso, devido a um fenómeno denominado sincelo".

"As equipas operacionais, reforçadas por técnicos deslocados das regiões de Portalegre, Santarém, Aveiro e Coimbra, têm enfrentado a neve, o gelo e o vento, o que tem dificultado extraordinariamente a realização dos trabalhos na rede elétrica de distribuição, uma vez que muitas estradas estão intransitáveis tanto pela neve, formação de gelo, bem como por árvores derrubadas", avança a EDP.

A situação mais complicada regista-se em Miranda do Douro com diversas linhas partidas e "apesar da gravidade da situação" a EDP garante que tudo fará para repor o fornecimento de energia elétrica nesta localidade "no mais curto espaço de tempo".

Segundo a EDP, até ao momento foram ligados 27 geradores de emergência e duas centrais móveis e outros equipamentos poderão ser ligados "logo que as estradas ofereçam as mínimas condições de segurança para a circulação das viaturas".

A colaboração da Proteção Civil e da GNR "tem sido fundamental para que as equipas se possam deslocar em segurança", lê-se ainda no comunicado.

A EDP avança que foi dada especial atenção às ligações de clientes prioritários e serviços públicos essenciais, como sejam estações elevatórias de água, IPSS e antenas de telecomunicações.

A empresa alerta as pessoas das regiões atingidas pelo temporal para "não tocarem em quaisquer linhas partidas e também para o cuidado a ter com a colocação de geradores em locais pouco ventilados, podendo o seu uso inadequado provocar intoxicações".