Premium

Militares com casas T6 por 200 euros

Militares com casas T6 por 200 euros

Quase três quartos dos 1152 fogos que o Instituto de Ação Social das Forças Armadas tem arrendados em regime de renda económica estão nas mãos de militares ou seus familiares com rendimento mensal acima de 1200 euros. E 84% dos inquilinos pagam rendas inferiores a 200 euros, por apartamentos de tipologias T0 a T6.

Mas, ao JN, o Ministério da Defesa diz que quer apoiar os militares "com maior vulnerabilidade económica" e, para isso, acaba de enviar às associações de militares um projeto de decreto-lei que condiciona a atribuição de casas e o valor das rendas ao rendimento do agregado familiar do arrendatário.