Exclusivo Edição Impressa

Ninguém pára as praxes no Ensino Superior

Ninguém pára as praxes no Ensino Superior

A tradição da praxe, censurada pelo ministro do Ensino Superior, Manuel Heitor, continua a resistir aos novos tempos.

Os reitores lançam avisos e assinam despachos contra práticas de "discriminação", as universidades e faculdades desdobram-se em programas alternativos de integração aos novos alunos e até as federações e associações académicas promovem atividades que dizem ser "para todos". Mas a praxe resiste.

Leia a nossa Edição Impressa ou tenha acesso a todo o conteúdo no seu computador, tablet ou smartphone assinando a versão digital aqui