Sugestões de leitura

Notas do dia: O velório interrompido pela GNR e a investigação a Barreiras Duarte

Notas do dia: O velório interrompido pela GNR e a investigação a Barreiras Duarte

Estas são as sugestões de leitura no site do Jornal de Notícias que anotámos, esta terça-feira à noite, para si.

Nota 1: Currículo de secretário-geral do PSD investigado pelo Ministério Público. A Procuradoria-Geral da República remeteu para inquérito no Departamento de Investigação e Ação Penal de Lisboa os elementos que recolheu sobre o caso do currículo do secretário-geral do PSD, Feliciano Barreiras Duarte.

Nota 2: Madrasta de Gabriel Cruz confessa homicídio. Ana Julia, a mulher suspeita de ter sequestrado e matado Gabriel Cruz, o menino de oito anos que desapareceu a 27 de fevereiro, na província espanhola de Almeria, confessou o crime às autoridades.

Nota 3: GNR interrompe velório devido a morte suspeita na Feira. O velório de um homem de 60 anos, natural de Santa Maria de Lamas, Feira, foi interrompido, na tarde desta segunda-feira, pela GNR, por suspeitas quanto às causas da morte.

Nota 4: Deco revela cadeias de supermercados mais baratas. A Deco Proteste revelou, esta terça-feira, a lista de supermercados mais baratos, com o Jumbo, do grupo Auchan, a encabeçar o ranking.

Nota 5: Suspeita de sarampo em 20 profissionais de saúde do Santo António. Vinte profissionais de saúde do Hospital de Santo António, no Porto, apresentam sintomas de sarampo, depois de terem contactado com um doente não vacinado contra a doença. Já esta noite, a DGS confirmou dois casos no Norte do país.

Nota 6: Proibida de ter animais por 20 anos após ter deixado dois cães morrer. Uma mulher foi condenada a trabalho comunitário e proibida de ter animais durante 20 anos, em Glasgow, na Escócia, depois de ter deixado oito cães fechado numa carrinha expostos a temperaturas a rondar os 40 graus.

ver mais vídeos