Premium

Prejuízos causados pelo Leslie ultrapassam 100 milhões de euros

Prejuízos causados pelo Leslie ultrapassam 100 milhões de euros

Um dos setores mais atingidos foi o agrícola. Algumas autarquias alargaram prazo para comunicar estragos.

Uma semana depois, os prejuízos decorrentes da passagem do furacão Leslie na Região Centro já superam os 100 milhões de euros, entre estruturas públicas e privadas. O número, no entanto, ainda poderá aumentar, uma vez que há municípios que ainda não concluíram o levantamento para entregar à Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Centro (CCDRC).

O concelho da Figueira da Foz é o que apresenta um valor mais elevado, com os prejuízos a rondarem os 32 milhões de euros. Montemor-o-Velho já entregou o levantamento à CCDRC, com um balanço final de 23 milhões de euros de prejuízo. "Na parte que nos diz respeito, totalizámos prejuízos no valor de 11,5 milhões. A esses juntam-se 10 milhões em danos para a agricultura e dois milhões nas empresas", descreve ao JN o presidente da Câmara de Montemor-o-Velho, Emílio Torrão. O autarca completa que estão contabilizados, no concelho, 45 edifícios atingidos pela tempestade que passou pelo território continental a 13 de outubro.