Calor

Quinta-feira foi o segundo dia mais quente dos últimos 18 anos

Quinta-feira foi o segundo dia mais quente dos últimos 18 anos

O valor médio da temperatura do ar nesta quinta-feira foi de 30.2º graus, tornando-se assim no segundo dia mais quente dos últimos 18 anos. Segundo os dados do Instituto Português do Mar e da Atmosfera, a vila de Mora acabou por registar o valor mais alto do dia: 45.7º.

Os registos dos valores diários desde o ano 2000 mostram que até então o dia com a temperatura média mais alta tinha sido 2 de agosto de 2003, com 31.9º.

Já o valor médio da temperatura máxima registado esta quinta-feira foi de 40.1º graus, 11.3º acima da média (28.8º). Também as mínimas (20.2º) estiveram muito acima do valor normal (15.5º).

Os dados do dia 2 de agosto de 2018, validados esta sexta-feira pelo Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA), mostram também que as temperaturas mais altas foram sentidas em Mora (45.7º), Alvega (45.2º) e Coruche (44.9º). A noite de quinta-feira para sexta-feira também foi muito quente. O valor mínimo foi sentido em Faro (28º)

Tal como o JN já noticiou, neste dia foram ultrapassados os valores máximos históricos em oito localidades: Castelo Branco (42,2º), Odemira (41,9º), Nelas (41,3º), Anadia (43,8º), Coruche (44,9º), Setúbal (42,6º), Alvalade do Sado (43,8º) e Zambujeira do Mar (41,1º). Em nove localidades os termómetros ultrapassaram os 44º.

Também esta sexta-feira foi prolongado o aviso vermelho (o mais grave) para o calor em 11 distritos de Portugal continental até ao início da tarde de domingo por causa da persistência de valores elevados da temperatura máxima. São esperadas temperaturas acima dos 40º nos distritos de Lisboa, Setúbal, Bragança, Évora, Guarda, Vila Real, Santarém, Beja, Castelo Branco, Portalegre e Braga.

ver mais vídeos