Incêndios

Investidos 278 milhões de euros na revitalização do Pinhal Interior

Investidos 278 milhões de euros na revitalização do Pinhal Interior

No último ano e meio, foram investidos cerca de 278 milhões, no âmbito do Programa de Revitalização do Pinhal Interior, a zona afetada pelo incêndio de há dois anos, que deflagrou em Pedrógão Grande.

A reunião entre o primeiro-ministro António Costa e os autarcas dos sete concelhos afetados pelo incêndio de 17 de junho de 2017 vai prosseguir após a assinatura do protocolo de entendimento entre a Associação de Vítimas de Pedrógão Grande (AVIPG) e a Insfraestruturas de Portugal (IP), agendada para as 12.30 horas, na Câmara Municipal de Castanheira de Pera. O Programa de Revitalização do Pinhal Interior foi um dos assuntos que esteve em cima da mesa.

Em comunicado, o Governo faz o balanço do Programa de Revitalização do Pinhal Interior, onde assegura que das 55 medidas lançadas, no último ano e meio, 27 encontram-se em curso e 22 já foram executadas. O documento refere ainda que foram investidos cerca de 278 milhões de euros em diferentes áreas setoriais: empresas (221 milhões), agricultura (1,8 milhões), florestas (16 milhões), educação ambiental (500 mil euros), turismo (38 milhões) e economia social (um milhão de euros).

O encontro com os autarcas de Castanheira de Pera, Figueiró dos Vinhos, Góis, Pampilhosa da Serra, Pedrógão Grande, Penela e Sertã teve início às 9.40 horas, dez minutos depois da hora prevista, e foi interrompido por volta das 11.10 horas, para que pudessem assistir à missa em homenagem das vítimas do incêndio, marcada para as 11.30 horas, na Igreja Matriz de Castanheira de Pera.

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, e o Presidente da Assembleia da República, Eduardo Ferro Rodrigues, juntaram-se à comitiva do Governo, composta ainda por seis ministros, e de autarcas, para prestar homenagem às vítimas na homilia. A agenda do primeiro-ministro prevê para as 12.30 horas a assinatura do protocolo entre a AVIPG e a IP, no âmbito do memorial às vítimas dos incêndios.

A reunião entre os membros do Governo, os sete autarcas e a presidente da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional de Coimbra, Ana Abrunhosa, será, assim, retomada após esta cerimónia.