O Jogo ao Vivo

TAP

Lacerda Machado começou a negociar no dia seguinte à posse de Costa

Lacerda Machado começou a negociar no dia seguinte à posse de Costa

O consultor Diogo Lacerda Machado começou a negociar a reconfiguração acionista da TAP com os privados "no dia a seguir à posse do atual Governo", tendo participado em 14 reuniões.

Questionado pelo deputado do PSD Luís Leite Ramos sobre quando começou a prestar apoio ao Governo nas negociações com o consórcio Atlantic Gateway, o advogado disse que começou "no dia a seguir à posse do atual Governo", tendo a primeira intervenção "com expressão" acontecido a 17 de dezembro numa primeira reunião com David Neeleman e Humberto Pedrosa.

Desde então, adiantou, participou "até agora" em 14 reuniões, em que jamais esteve sozinho, realçou, precisando que "aconteceram sempre na presença de membros do Governo".

O advogado Diogo Lacerda Machado, que mediou as negociações da reprivatização da TAP em nome do Governo de Costa, está a ser ouvido no parlamento por requerimento do PSD, que exige explicações sobre o processo e o seu papel como "negociador".

O consultor do Governo - que desde 15 de abril tem um contrato de prestação de serviços de consultoria estratégica e jurídica que vigora até ao final do ano - explicou que foi "o espírito de serviço público" que o levou a aceitar "prontamente" o pedido de apoio técnico feito por António Costa e Pedro Marques.

"E foi ainda esse espírito que me levou a nem sequer equacionar então a necessidade de exigir ou acordar qualquer retribuição para o mesmo", acrescentou.