Futebol

Lacerda Sales não atira culpas a ninguém por festejos do Sporting

Lacerda Sales não atira culpas a ninguém por festejos do Sporting

O secretário de Estado da Saúde lamenta as imagens de ajuntamentos de pessoas "que todos vimos" nos festejos do título de campeão e espera que a situação não se repita. Mas diz que não é altura para "atirar culpas"

Lacerda Sales garante que foram feitas "muitas reuniões, quer com a Câmara Municipal [de Lisboa], quer com o Ministério da Administração Interna, com as entidades e intervenientes envolvidos" e diz que não é altura para "atirar culpas a ninguém".

"Há sempre muita emoção, muita paixão à volta do futebol, estas coisas acontecem, vamos esperar que não se repita", disse aos jornalistas, à margem de uma visita a um estabelecimento de saúde em Lisboa.

Na passada terça-feira, o Sporting celebrou a conquista do campeonato. Há 19 anos que o clube não ganhava e a euforia levou milhares de adeptos às ruas da capital. António Lacerda Sales classificou o sucedido como um "acontecimento", clarificando que não se tratou de um "evento", como por exemplo a Festa do Avante, em que houve regras específicas definidas pela DGS.

Contudo, garante que a saúde "fez o seu trabalho" e "recomendações no sentido de dar maior segurança possível ao acontecimento", apontando a tentativa de sensibilização com mensagens nas redes sociais, como a dos adeptos que não cumpriram o distanciameneto social evitarem os contactos nos próximos 14 dias.

Para o secretário de Estado, "na sua justa proporcionalidade, todos tentaram fazer o seu trabalho". António Lacerda Sales lembra que, depois dos festejos, a saúde "ainda fez recomendações para as pessoas, se sentirem sintomas, contactarem o SNS24 e evitarem contactos".

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG