Incêndios

Liga rejeita que bombeiros não saibam usar equipamentos da rede SIRESP

Liga rejeita que bombeiros não saibam usar equipamentos da rede SIRESP

A Liga dos Bombeiros Portugueses (LBP) rejeitou esta quarta-feira que os bombeiros não saibam utilizar os equipamentos da rede de comunicações SIRESP, mas reconheceu que a formação de todos os utilizadores pode diminuir eventuais falhas.

"Rejeitamos clara e inequivocamente que os bombeiros não saibam utilizar os equipamentos SIRESP", refere a LBP em comunicado, reconhecendo que o Sistema Integrado de Redes de Emergência e Segurança de Portugal "pode e deve ser melhorado do ponto de vista técnico e de gestão" e que "a formação de todos os utilizadores dos sistemas de comunicações é bem-vinda e pode diminuir os fatores de potencial falha".

PUB

Na terça-feira, em declarações aos jornalistas, o presidente do SIRESP, Paulo Viegas Nunes, admitiu que há "falta, muitas vezes, de entendimento do funcionamento da rede".

"Se existe necessidade de formação no sentido lato do termo tenho a noção de que existe", afirmou.

A rede SIRESP, que resulta de uma parceria entre o Estado e o setor privado, coordena as comunicações em situações de emergência e segurança.

Na semana passada, o Governo anunciou que o sistema vai ter um novo investimento de 4,2 milhões de euros em equipamentos de redundância para assegurar as comunicações via satélite em caso de falha dos circuitos terrestres.

Para a LBP, investimentos como este "são certamente a prova" de que o SIRESP "precisa de melhorias".

"Não coloquem nos bombeiros o ónus das quebras, mesmo que momentâneas, das redes. E, se não há formação suficiente, então quem deveria implementar essas atividades formativas?", questiona.

Paulo Viegas Nunes disse que o SIRESP está a procurar partilhar informação sobre como a rede funciona, através de ações que ou já decorreram ou que vão decorrer.

O dirigente do SIRESP assegurou que a rede "não tem falhas na sua construção" nem rejeita chamadas, e nem falhou nos incêndios deste ano.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG