Exclusivo

Mãe de padre infetado morreu com covid-19

Mãe de padre infetado morreu com covid-19

Sacerdote foi um dos seis que adoeceram após reunião da Opus Dei. Há mais 20 contágios e 200 em quarentena.

Morreu com covid-19 a mãe de um dos padres que participaram (e ficaram infetados), no final de julho, num encontro da Opus Dei em Arcozelo, Gaia. Seis dos 12 religiosos que estiveram presentes ficaram infetados, assim como mais 20 pessoas que conviveram com eles depois. Há ainda cerca de 200 em quarentena pelos mesmos motivos.

A mãe do monsenhor Manuel Joaquim Fernandes, pároco de Ribeirão, em Famalicão, tinha 98 anos e morreu na semana passada. O filho foi o único dos seis padres que teve de ser internado, mas já se encontra melhor. Os outros cinco estão assintomáticos. O número de pessoas infetadas e em quarentena resulta da soma dos dados avançados pelas regiões de saúde que integram Famalicão, Viana do Castelo, Leiria, Sátão, Mangualde e Viseu.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG