Estudo

Mais confinados no domingo do que no sábado

Mais confinados no domingo do que no sábado

No segundo fim de semana de recolher obrigatório nos 191 concelhos de elevado risco de propagação da pandemia, três em cada cinco portugueses permaneceram em casa durante todo o domingo. O nível de confinamento foi superior ao de sábado, em que 52% da população não saiu à rua.

Os dados da mobilidade, medidos pela consultora PSE, indicam que mais de 70% dos portugueses cumpriram o recolher obrigatório a partir das 13 horas. Ainda assim, apesar das restrições, só 10% não saíram de casa no passado fim de semana. Durante a manhã, conclui o estudo, a mobilidade foi maior, principalmente no sábado.

As compras foram o principal motivo das saídas à rua. Em média, 29% das pessoas que saíram à rua fizeram-no para se deslocar a espaços comerciais. Se na saída global de casa, a maioria dos portugueses saiu até às 9 horas, no caso daqueles que foram às compras, o cenário já é diferente, sendo particularmente evidente no primeiro dia do fim de semana.

No sábado, os portugueses que foram às compras saíram de casa mais tarde, sendo que quase metade (48%) fê-lo entre as 11 e as 13 horas. A verdade é que, à hora do recolhimento obrigatório, 70% já estavam em casa; às 14 horas, essa percentagem já se situava nos 80%.

No domingo, o nível de confinamento foi superior: 62,2% permaneceram nas suas residências durante todo o dia. E entre os que saíram, 60.5% fizeram deslocações na proximidade, até 20 quilómetros no máximo, isto é, de baixa ou média mobilidade. Às 13 horas, 78% da população estava confinada e às 14 horas, esse valor era de 83%.

PUB

Os dados são recolhidos pela PSE a partir de uma aplicação que recorre à tecnologia GPS e que foi instalada nos smartphones de 3.670 pessoas, com mais de 15 anos e residentes nas regiões do Grande Porto, Grande Lisboa, Litoral Norte, Litoral Centro e distrito de Faro.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG