Exclusivo

Mais de metade das consultas médicas já são feitas à distância

Mais de metade das consultas médicas já são feitas à distância

Retoma da atividade nos cuidados primários está a ser suportada pelo atendimento não presencial. Médicos pedem equilíbrio e mais meios para responder aos pedidos de utentes.

Nos primeiros seis meses de 2021, 59% das consultas médicas realizadas nos cuidados de saúde primários foram não presenciais. Os dados do Ministério da Saúde mostram que, do total de 18 275 056 consultas realizadas até junho deste ano, 10 799 165 foram feitas à distância, seja por telefone, email ou videochamada. A pandemia exigiu uma nova forma de acompanhar os doentes, sobretudo nos períodos de confinamento, mas os médicos e enfermeiros de família pedem agora um equilíbrio entre o presencial e o não presencial.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG