O Jogo ao Vivo

Exclusivo

Marcelo já recorreu mais ao TC do que no primeiro mandato

Marcelo já recorreu mais ao TC do que no primeiro mandato

Marcelo enviou três diplomas para o Constitucional desde a reeleição. Mudança não se deve a corte com Costa, porque "nenhum dos dois teria vantagem nisso", diz Viriato Soromenho-Marques.

Marcelo Rebelo de Sousa já enviou mais diplomas para o Tribunal Constitucional (TC) desde que venceu as presidenciais de janeiro do que nos cinco anos anteriores. Em 2021, o presidente da República pediu a fiscalização de três projetos, contra apenas um entre 2016 e 2020. Viriato Soromenho-Marques, catedrático de Filosofia Política, reconhece a mudança de atitude, mas não acredita que seja por "cálculo". Defende que o corte entre presidente e primeiro-ministro continua a ser improvável, já que não beneficiaria nenhum dos dois.

O chefe do Estado recorreu ao TC pela primeira vez em agosto de 2019 - três anos e meio após chegar a Belém - devido a um projeto sobre gestação de substituição (vulgarmente conhecida por barrigas de aluguer). Esse processo, recorde-se, continua por decidir.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG