DGS

Menos casos e mortes numa semana com aumento de internamentos por covid-19

Menos casos e mortes numa semana com aumento de internamentos por covid-19

Portugal registou, esta semana, 59434 casos e 145 mortes de covid-19. Face ao período anterior, houve uma descida do número de contágios e de óbitos, mas aumentaram os internamentos.

De acordo com o relatório semanal da Direção-Geral da Saúde (DGS), houve menos 2528 contágios por covid-19 em relação à semana passada. Os dados, relativos ao período entre 5 e 11 de abril, refletem uma diminuição das infeções face ao número reportado no último balanço, referente aos dias do período 29 de março e 4 de abril.

Segundo o boletim da Direção-Geral da Saúde (DGS), o total de internamentos aumentou para 1172 (mais 62), mantendo-se os casos graves em 60 doentes em UCI. Durante o período em análise, foram registados 145 mortos, menos sete do que na semana anterior, com a taxa de mortalidade a cair 5%, para 14 mortes por um milhão de habitantes.

PUB

A Região Norte e o Alentejo foram as únicas a registar um aumento do número de casos. Na zona mais setentrional do país, foram notificadas 13976 infeções no período em causa, mais 1381 face à semana anterior. A este acréscimo correspondeu um aumento do total de internamentos, mais 25 (para 326), um grave (25 de acumulado) e 28 mortes, mais cinco que no período anterior.

No Alentejo, foram reportados mais sete casos, para um total de 4247 ativos, mais sete. O total de internamentos manteve-se em 53, com um em UCI, tendo sido registados 14 mortes (mais duas que no período anterior).

A Região de Lisboa e Vale do Tejo reportou 21196 infeções, menos 1704 que no período anterior. Apesar do aumento do número de internados para 445 (mais nove), o entorno da capital registou 19 mortes doentes em UCI (menos dois) e 46 mortos (menos 11).

A Região Centro registou um decréscimo do número de casos, para um acumulado semanal de 11179 (menos 381), apesar de reportar mais 27 internamentos (294), dos quais um grave (12) e mais três mortes que na semana passada (39 no total).

O Algarve, com nove mortes, tantas como na semana anterior, registou igualmente um decréscimo do número de casos ativos, menos 379, para 3574, e mais um internamento e um grave, para 54 e três, respetivamente.

Nas Ilhas, a tendência também foi de descida: menos 468 casos nos Açores e menos duas mortes, para totais semanais de 2454 e quatro, respetivamente. Na Madeira, foram anotados 2808 casos, menos 984, e cinco mortes, menos quatro que no período anterior.

Dos 145 mortos registados nesta semana, 111 tinham mais de 80 anos e 22 mais de 70. Num período em que foi reportada a morte de uma pessoa com menos de 30 anos e de outra com menos de 40, destaque, ainda, para os sete óbitos na faixa etária dos 60-69 e três no de 50-59.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG