Parlamento

Mina de urânio: ministro admite rever cooperação com Espanha

Mina de urânio: ministro admite rever cooperação com Espanha

O ministro do Ambiente, Pedro Matos Fernandes, admitiu esta quarta-feira a possibilidade de pedir uma reunião a Madrid para discutir a questão da mina de urânio em Retortillo, a cerca de 40 quilómetros da fronteira lusa.

Em sede de comissão parlamentar, o governante disse que é preciso refletir sobre as relações transfronteiriças e modos de comunicação e articulação entre os dois países.

Em causa está o licenciamento dado por Espanha à exploração de uma mina de urânio em Retortillo, sem consultar o Estado português nem fazer o estudo de impacto ambiental transfronteiriço.

Matos Fernandes admitiu mesmo a possibilidade de rever a cooperação com Espanha, pois o protocolo (sobre projetos que podem ter impacto nos dois países) tem sido cumprido de forma deficiente.

O titular da pasta do Ambiente avançou ainda que a Agência Portuguesa do Ambiente (APA) adquiriu uma sonda para instalar no Douro Internacional para monitorar a radioatividade.

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG