Pedrógão Grande

Ministra ordena auditoria a sistema de comunicação de emergência

Ministra ordena auditoria a sistema de comunicação de emergência

A Ministra da Administração Interna exigiu, ao início da noite desta segunda-feira, "respostas rigorosas" ao funcionamento da rede SIRESP.

Constança Urbano de Sousa anunciou que pediu ao Instituto de Telecomunicações um "estudo independente" sobre o funcionamento do SIRESP - Sistema Integrado de Redes de Emergência e Segurança de Portugal - "em geral e em situações de acidente grave ou catástrofe".

Além disso, a ministra ordenou à Inspeção-Geral da Administração Interna a realização de uma "auditoria" à Secretaria-Geral da Administração Interna, a entidade gestora do SIRESP, para averiguar se estão a ser cumpridas as regras de "gestão, manutenção e fiscalização". A investigação, de acordo com o gabinete da Ministra terá de estar concluída dentro de 30 dias.

Estas decisões surgem depois de o primeiro-ministro António Costa ter pedido a Constança Urbano de Sousa o "cabal esclarecimento" das falhas na rede SIRESP verificadas durante o incêndio em Pedrógão Grande.

Outros Artigos Recomendados