Exclusivo

"Morro se tiver de esperar um ano pela operação"

"Morro se tiver de esperar um ano pela operação"

Bruno Godinho é obeso e sofre de várias patologias. Aguarda por uma cirurgia que não sabe se chega a tempo de o salvar.

A dificuldade com que Bruno Godinho, de 37 anos e 210 quilos de peso, concilia a respiração com o simples ato de falar é reveladora da gravidade do seu estado. Bruno precisa de uma operação bariátrica, mas a primeira consulta para a especialidade de cirurgia geral-obesidade estava marcada para fevereiro de 2022. Após a conversa com o JN recebeu uma boa notícia, a data tinha sido antecipada para fevereiro de 2021 (um ano), mas o processo ainda é longo. "Morro se tiver de esperar um ano pela operação", assegura. Além do peso, os problemas respiratórios, que o obrigam a recorrer ao ventilador para dormir, juntam-se a insuficiência cardíaca e ao VIH, vírus de que é portador.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG