JN 133 anos

Norte deve ter a ambição ser uma região "hiper-conectada"

Norte deve ter a ambição ser uma região "hiper-conectada"

Para as gerações mais novas, a garantia de uma "conectividade de qualidade" é vista como "o novo normal". No Norte, a ambição deve ser tornar-se uma "região hiper-conectada", com "redes de comunicação de última geração", entende Rui Moreira.

O presidente da Câmara Municipal do Porto foi um dos oradores da Conferência "Territórios em Transição", que assinala, esta quarta-feira, o 133.º aniversário do "Jornal de Notícias".

A digitalização do país, a inovação e o desenvolvimento sustentável, incluindo o combate às alterações climáticas, têm o apoio das gerações mais novas. São estas gerações quem, talvez pela primeira vez, admite o presidente da Câmara do Porto, vive num Mundo de incerteza, longe da crença de que haveria sempre crescimento económico.

O país deve, por isso, investir nas áreas que garantam esse crescimento, incluindo em "processos circulares produção e consumo sustentável". Mas, alerta, "para que a mudança seja eficaz, equilibrada e não deixe ninguém para trás, é fundamental investir nas infraestruturas digitais, no conhecimento e inovação".

No Porto, afirmou, a orientação traduziu-se na rede de acesso gratuito à internet, que está a ser alargada, para multiplicar por dez a sua capacidade. Até agora, disse, a infraestrutura já foi utilizada por mais de 3,5 milhões de dispositivos.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG