Boletim DGS

Novos casos e internados aumentam mas mortes por covid diminuem

Novos casos e internados aumentam mas mortes por covid diminuem

Portugal registou, na última semana, mais 60 083 casos e 139 mortes por covid-19. Face ao período anterior, houve um aumento do número de contágios e dos internamentos, mas uma descida nos óbitos e nos doentes graves.

De acordo com o relatório semanal da Direção-Geral da Saúde (DGS), houve mais 60 083 contágios por covid-19. Os dados, relativos ao período entre 12 e 18 de abril, refletem um aumento de 706 infeções face ao número reportado no último balanço.

O maior número de contágios concentrou-se, durante a semana em análise, na região de Lisboa e Vale do Tejo (20 703), ainda que tenha sido inferior. Seguiu-se o Norte, com 16 100, o Centro com 11 762, o Alentejo com 4102 e o Algarve com 3107. O arquipélago da Madeira somou 2240 casos e o dos Açores 2069. Como tem sido habitual, o grupo etário onde se verificou maior prevalência da doença foi o dos 40 aos 49 anos (9928).

PUB

De referir ainda que, na semana em análise, morreram 139 pessoas infetadas, menos nove face à avaliação anterior. A maioria das vítimas tinha 80 ou mais anos. Em termos de distribuição geográfica, foram registadas 44 mortes em LVT, 40 no Centro, 27 no Norte, nove no Algarve, oito no Alentejo, oito na Madeira e três nos Açores.

Nos hospitais portugueses havia 1207 pessoas internadas no dia 18 de abril, mais 35 do que na semana anterior. Os doentes graves eram 46, menos 14.

A taxa de transmissibilidade (o chamado Rt) aumentou para 1 e a incidência por cem mil habitantes também registou um ligeiro aumento: de 577 para 583 casos.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG