Balanço

Novos infetados com covid-19 descem para a casa dos três mil, Norte com mais de metade

Novos infetados com covid-19 descem para a casa dos três mil, Norte com mais de metade

Portugal regista, este domingo, 3062 casos e 37 mortes por covid-19. O Norte soma mais de metade dos novos contágios. No total, foram confirmados 144.341 infetados e 2544 óbitos.

Foram contabilizados, face a sábado, mais 3062 infetados com o novo vírus, de acordo com o boletim epidemiológico de hoje, que eleva para 144.341 o número total de casos desde março. Trata-se de uma descida do número de infetados, depois de três dias seguidos com o valor acima dos quatro mil (o número máximo foi registado na sexta-feira). Mas a redução de casos pode ser explicada pelo facto de se realizarem menos testes de diagnóstico ao fim de semana. Do total de casos até agora detetados, 60.026 correspondem a doentes ativos, dos quais 1534 foram registados até à meia-noite.

O número de internados continua a bater recordes: há hoje 2122 doentes em enfermaria - o número mais alto até agora. O aumento de 150 face a ontem é o maior desde o dia 2 de abril e o terceiro maior desde o início da pandemia. Em unidades de cuidados intensivos, há 284 pessoas (menos duas). Por outro lado, com mais 1491 recuperações, o total de recuperados sobe para 81.771.

Cerca de 53% das novas infeções (1616) foram registadas na região Norte, que soma um total de 64.943 casos. Segue-se Lisboa e Vale do Tejo, com 876 novos infetados (em 60.219), e depois a região Centro, onde há mais 430 casos (em 12.717). O Alentejo contabiliza mais 74 casos (2808) e o Algarve mais 59 (2838). O arquipélago da Madeira soma mais seis infetados (446) e nos Açores há mais um (370).

Duas mortes na faixa dos 50-59 anos

Morreram em Portugal mais 37 pessoas (menos duas do que ontem), elevando para 2544 o número total de mortes por covid-19 (1302 homens e 1242 mulheres). É também o Norte a região onde foram contabilizados mais óbitos, 20. Em Lisboa e Vale do Tejo, registaram-se 12, no Centro três e no Alentejo dois. Como tem vindo a ser regra, a grande maioria das vítimas (24) tinha 80 anos ou mais - 16 mulheres e oito homens. Com 70 a 79 anos, morreram cinco pessoas (quatro mulheres e cinco homens), com 60 a 69 morreram duas mulheres, e na faixa etária dos 50-59 anos dois homens.

PUB

Sob vigilância das autoridades de saúde, estão 64.805 cidadãos, menos 291 do que ontem.

Outras Notícias