Bragança

Padre investigado por abuso enviado para o estrangeiro

Padre investigado por abuso enviado para o estrangeiro

O padre investigado pela Diocese de Bragança por abuso sexual de menor, na sequência de uma denúncia feita pela própria vítima, deverá ser "convidado" a ir para o estrangeiro enquanto durar a investigação que está a ser liderada por um organismo da Igreja com sede em Roma.

A vítima ainda não terá apresentado queixa às autoridades policiais ou judiciais. O sacerdote foi afastado de funções.

No comunicado que efetuou no início deste mês, a Diocese dá a entender que pretende aprofundar o caso, designadamente para perceber se poderá haver mais queixosos contra o padre José Belmiro Lino Rodrigues, de Vila Flor. O bispo D. José Cordeiro apela mesmo a quem tiver informações sobre abusos sexuais ou outro tipo de abusos contra crianças ou jovens, por parte de padres da diocese, "se dirija à Comissão Diocesana para a Proteção de Menores e de Pessoas Vulneráveis" que está sediada na Cúria diocesana.

Ler mais na edição impressa ou no epaper

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG