Comboios

Passageiros da CP esperam várias horas para regressarem a casa

Passageiros da CP esperam várias horas para regressarem a casa

A greve dos trabalhadores da CP, a decorrer esta quarta-feira, está a causar várias perturbações. Várias pessoas têm que esperar mais de seis horas pelo próximo comboio e algumas já pensam em alternativas.

A estação de São Bento, no Porto, está quase deserta e o aviso de que foi suprimido mais um comboio soa de minuto a minuto. Os trabalhadores da CP -Comboios de Portugal, em conjunto com os trabalhadores da Infraestruturas de Portugal, estão a cumprir uma greve de 24 horas durante esta quarta-feira.

Helena Pinto saiu da Régua por volta das 7 horas da manhã e viajou de comboio até ao Porto para ter uma consulta. Foi durante a viagem da manhã que teve conhecimento da greve. Às 11 horas, já estava na estação de São Bento pronta para regressar a casa, no entanto, terá que esperar mais de seis horas para o poder fazer. Até lá, não sabe como irá passar o tempo e se já pensa em soluções caso falhe o comboio das 17 horas. "vou ter que procurar um autocarro", afirma.

PUB

Também os estudantes, que vieram ao Porto para um dia normal de aulas, estão com dificuldades em saber como regressar a casa. Daniel Lopes saiu de Braga de manhã cedo, à hora que habitualmente apanha o comboio para o Porto mas não sabe a que horas irá conseguir ir embora. "Ia no das 10.45 horas mas não há, não tenho ainda informações sobre o próximo comboio e não tenho mais opções".

Os constrangimentos são muitos e várias são as horas que os passageiros terão que esperar. Pedro Ferreira veio de Penafiel também de manhã cedo. "Vim no comboio que venho sempre, aí não tive problemas. Agora queria ir no das 11 horas, mas o próximo comboio para Penafiel é só por volta das 13.30", conta. Regressar a Penafiel de autocarro não é uma opção: "O autocarro vai para a cidade e eu tenho o carro na estação de uma vila de Penafiel".

Num comunicado divulgado hoje, a CP informa que foram "definidos os serviços mínimos, que se podem consultar" no site da empresa.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG