Nacional

"Patrão dos patrões" defende alterações simultâneas no IVA e Taxa Social Única

"Patrão dos patrões" defende alterações simultâneas no IVA e Taxa Social Única

"O presidente da Confederação Empresarial Portuguesa, António Saraiva, defendeu, esta terça-feira, que a mexida na taxa intermédia do IVA e a descida da Taxa Social Única deverão ocorrer em simultâneo.

À entrada de um encontro com o ministro da Economia e do Emprego, Álvaro Santos Pereira, o "patrão dos patrões" reforçou que "a passagem de alguns produtos das taxas intermédia de IVA (13%) e reduzida (6%) para a taxa normal (23%) deverá ser acompanhada da redução da TSU".

O presidente da Confederação Empresarial Portuguesa garantiu que o Governo se comprometeu a apresentar um conjunto de medidas de estímulo à economia nos próximos cem dias, incluindo a melhoria do acesso ao crédito.

António Saraiva, que falava aos jornalistas após o primeiro encontro da CIP com o novo ministro da Economia, disse que Álvaro Santos Pereira lhe transmitiu que estas medidas constam do programa do Governo que será apresentado hoje.

Entre estas inclui-se a garantia de um maior acesso ao crédito, a menor custo, em 15 dias.

António Saraiva congratulou-se com a "sintonia de posições" entre a CIP e o novo governante.

"Saímos muito animados desta reunião. Houve uma sintonia de posições", declarou.

Na jornada de encontros com os parceiros sociais, o novo ministro da Economia e do Emprego recebeu, esta terça-feira, os representantes da Confederação do Comércio de Portugal (CCP), liderada por Vieira Lopes, e o presidente da Confederação da Indústria Portuguesa, António Saraiva.