Exclusivo Edição Impressa

Peritos sem regras beneficiam seguradoras à custa de lesados

Peritos sem regras beneficiam seguradoras à custa de lesados

A profissão de perito e regulador de sinistros não exige qualquer formação específica, não está regulada por uma entidade autónoma que exija sequer uma carteira profissional, nem tão pouco obriga a ter habilitações académicas adequadas.

A denúncia é feita pela própria Câmara Nacional de Peritos Reguladores (CNPR), que considera estar em causa a independência das peritagens, em benefício das seguradoras e em prejuízo dos lesados.

Leia a nossa Edição Impressa ou tenha acesso a todo o conteúdo no seu computador, tablet ou smartphone assinando a versão digital aqui

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG