Exclusivo

Pobreza energética não se combate com aquecedores

Pobreza energética não se combate com aquecedores

O Portal Construção Sustentável critica que parte dos fundos disponibilizados pelo Governo para combate à pobreza energética sejam alocados à compra de equipamentos elétricos para aquecimento ou arrefecimento das habitações. Diz que só melhorando a eficiência das habitações se conseguirá combater o desconforto térmico.

Em causa estão as medidas anunciadas pelo Governo (entraram quinta-feira em consulta pública), que incluem vouchers para as famílias aplicarem na compra de fogões elétricos, aquecedores e equipamentos para arrefecer as casas, para além da instalação de painéis solares e obras em casa (como a troca de portas, janelas, revestimentos de paredes e de coberturas).

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG