Central nuclear

Portugal insiste com Espanha que deve ser ouvido sobre Almaraz

Portugal insiste com Espanha que deve ser ouvido sobre Almaraz

Portugal enviou uma nova carta a Espanha a insistir que o país deve ser ouvido se o executivo espanhol decidir prolongar a vida da central nuclear de Almaraz, disse, esta terça-feira. o ministro do Ambiente.

João Matos Fernandes está a ser ouvido na comissão parlamentar de Ambiente, Ordenamento do Território, Descentralização, Poder Local e Habitação, sobre o tema da central de Almaraz e construção do armazém para resíduos nucleares.

Na audição, pedida pelo Partido Ecologista Os Verdes, o ministro fez a cronologia de todos os passos sobre o processo da central de Almaraz e da construção do armazém para resíduos nucleares, sem a devida avaliação do impacto ambiental transfronteiriço.

A carta foi enviada na segunda-feira e deu conhecimento oficial a Espanha do envio da queixa sobre esta matéria à Comissão Europeia.

Na carta, o governo português reitera aquilo que já tinha sido transmitido a Espanha na reunião entre os ministros português do Ambiente e espanhol da Energia.

Também foi transmitido que é entendimento de Portugal que, se Espanha quiser prolongar a vida da central de Almaraz tem de fazer avaliação do impacto ambiental transfronteiriço e Portugal tem de participar no processo.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG