O Jogo ao Vivo

Ministra da Saúde

Portugal pode ultrapassar o recorde diário de infeções por covid-19

Portugal pode ultrapassar o recorde diário de infeções por covid-19

À semelhança de Espanha e do Reino Unido, Portugal deverá ultrapassar o recorde de novos casos de covid-19, que está atualmente em cerca de 16 mil. A informação foi avançada pela ministra da Saúde, Marta Temido, em entrevista à RTP, esta quarta-feira.

"É estimado que Portugal ultrapasse o recorde de infeções", afirmou Marta Temido, manifestando preocupação com a capacidade de contágio da variante ómicron. A ministra da Saúde não avança com números concretos, mas estima que Portugal possa ultrapassar os 16 mil casos diários de covid-19: "Eu recordo que já tivemos dias com mais de 16 mil infeções e, portanto, podemos ultrapassar aquilo que foram os recordes que já tivemos até agora, porque é uma característica desta variante".

O dia com mais casos registados em Portugal foi o 28 de janeiro deste ano, em que se contabilizaram 16 432 infeções e 303 mortos. Agora, o cenário no que toca a infeções pode piorar, embora não se preveja que o número de mortes volte a ser tão elevado devido à proteção conferida pelas vacinas. "Falta-nos saber qual é o impacto desta maior transmissibilidade em termos de severidade da doença e do escape imunitário", justificou a governante.

PUB

Em resposta a medidas contraditórias que encerram bares e discotecas mas permitem festas privadas de acesso público com mais de três mil pessoas, Marta Temido admitiu que há contradições, desvalorizando-as: "Aquilo que neste momento temos que fazer é procurar ao máximo evitar contactos, mais do que nos focarmos nas contradições entre as medidas, que são muito fáceis de encontrar".

A ministra adiantou ainda que o Governo vai contratar 400 camas ao setor privado e social para responder ao previsível aumento do número de infeções a que podem corresponder mais internamentos. Anunciou, também, que o autoagendamento da dose de reforço para a faixa etária entre os 50 e os 59 anos deverá acontecer no início de janeiro.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG