Balanço

Portugal passa os 1300 mortos por covid-19. Há nove mil curados por registar

Portugal passa os 1300 mortos por covid-19. Há nove mil curados por registar

Portugal ultrapassou, este sábado, os 1300 mortos por covid-19 e somou mais 271 casos positivos, nas últimas 24 horas.

Segundo o boletim diário da DGS, nas últimas 24 horas morreram 13 pessoas devido à covid-19 em Portugal, elevando o total de 1289 para 1302. Foram confirmados mais 271 casos, para os atuais 30471.

Há agora 550 pessoas internadas, menos 26 que as 576 registadas na sexta-feira, 84 das quais, menos quatro, nos cuidados intensivos.

Nas últimas 24 horas, 115 pessoas foram dadas como recuperadas, para um total atual de 7705. Um número que vai "aumentar brutalmente" amanhã, com a inclusão no boletim de 9652 pacientes que tiveram um teste negativo, podendo assim ser considerados curados, explicou a ministra da Saúde, Marta Temido.

Por regiões, Lisboa contabilizou 186 dos 271 novos casos, enquanto o Norte, que concentra mais de metade dos casos a nível global (16664 dos 30471 totais).

Segundo o boletim, das 13 vítimas mortais, sete foram registadas a norte do país e nove na região de Lisboa, o que daria um total de 16 e não de 13, como consta do boletim da DGS.

Na habitual conferência de imprensa no Ministério da Saúde, a titular da pasta, Marta Temido, explicou que foram entretanto retirados do total de óbitos três pessoas, duas vítimas de septicemia e uma de enfarte, pelo que os mortos na região de Lisboa são seis e não nove como decorre dos números hoje apresentados: 309 óbitos contra 300 registados na sexta-feira.

Nas restantes regiões do país não há registo de vítimas mortais, sendo que na Madeira, sem qualquer óbito, não há aumento do número de casos há duas semanas - desde 7 de maio que está nos 90. Nos Açores, há 135 positivos e 15 óbitos, números que não sofrem alteração desde o dia 12.

A região Norte é a que regista o maior número de mortos (732), seguida da região de Lisboa e Vale do Tejo (309), do Centro (230), do Algarve (15), dos Açores (15) e do Alentejo, que regista um óbito, adianta o relatório da situação epidemiológica, com dados atualizados até às 24 horas de sexta-feira, mantendo-se a Região Autónoma da Madeira sem registo de óbitos.

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG