Exclusivo

Procura por gelo gera caos mas não racionamentos

Procura por gelo gera caos mas não racionamentos

Fábricas, no limite de produção, não conseguem responder a novos pedidos do estrangeiro.

Há uma corrida ao gelo em Portugal devido às altas temperaturas que se fazem sentir, mas ainda não se colocam entraves à quantidade que o consumidor pode adquirir, segundo as empresas ouvidas pelo JN.

Na Fábrica D'Gelo, em Vila Franca, Viana do Castelo, o gerente Hugo Morgado revela que "este ano está caótico, mesmo muito", tal o aumento na procura de gelo. A empresa, que no verão produz cerca de cinco toneladas por dia, conta que tem recebido "chamadas do país todo e também de Espanha e de França" de pessoas a tentarem fazer encomendas, mas só consegue responder aos clientes habituais.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG