Exclusivo

Protestos não tiram férias com "boom" nos pré-avisos de greve

Protestos não tiram férias com "boom" nos pré-avisos de greve

O protesto dos trabalhadores não vai parar no verão e estão previstas greves nos mais diversos setores, como transportes e serviços de saúde, ainda durante este mês e também em agosto, num ano de crise, provocada pela pandemia e agravada pela guerra. Em meio ano, os pré-avisos de greve já são 632, quase dois terços da totalidade entregue em 2021.

O "boom" foi em maio, mês em que se aprovou o Orçamento do Estado, e a tendência manteve-se em junho, com estes dois meses a somarem 362 greves comunicadas ao Governo, muito mais do que os 270 pré-avisos entregues entre janeiro e abril deste ano.

Após um mês de intenso protesto sindical, que culminou na manifestação nacional da CGTP-IN do passado dia 7, em Lisboa, a intersindical apoia, agora, a luta nas empresas e nos serviços. Ao JN, a dirigente Andrea Araújo garantiu que "vamos ter um verão com muitas lutas em todos os setores".

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG