Boletim DGS

Quase 13 mil novos casos de covid-19 mas menos internados

Quase 13 mil novos casos de covid-19 mas menos internados

Portugal regista, esta sexta-feira, mais 12 943 casos de covid-19 e 11 mortes associadas à doença. Internados em queda.

Depois de terem sido novamente ultrapassados os 10 mil casos diários de covid-19 na quinta-feira, Portugal regista hoje 12 943 casos. Onze pessoas morreram infetadas nas últimas 24 horas.

Metade das novas infeções continua a ser registada na região de Lisboa e Vale do Tejo, com mais 6519 casos (50,4%). Segue-se o Norte (mais 3796), Centro (1527), Madeira (382), Algarve (330), Alentejo (316) e Açores (73).

Apesar do aumento de casos, algo que era previsível que acontecesse tendo em conta a corrida aos testes na semana do Natal, há uma queda no número de pacientes internados. Esta sexta-feira, há menos 30 pessoas a ocupar camas em enfermarias, num total de 864. Destes, 149 são doentes graves, mais um do que ontem.

Em véspera de Natal, há ainda a lamentar a morte de 11 pessoas infetadas com covid-19: seis no Norte, duas em Lisboa e Vale do Tejo, outras duas no Centro e uma no Alentejo. As vítimas mortais são um mulher com idade entre os 40 e os 49 anos, um homem na faixa etária seguinte, um mulher e dois homens com idades entre os 70 e 79 anos e quatro mulheres e dois homens com mais de 80.

PUB

Mais casos, mas menos mortes

A comparação dos dados desta sexta-feira com os de sexta-feira passada, dia 17 de dezembro, mostra que há um aumento de infeções diárias: esta semana, há mais 8299 novos casos do que na sexta-feira passada. Por sua vez, o número de óbitos diários desceu de 24 para 11. Em ambas as semanas há uma diminuição de doentes internados - menos nove na sexta-feira passada e menos 30 hoje. Porém, enquanto na semana passada havia menos 11 doentes graves, hoje há mais um.

Em dia de atualização da matriz de risco, a incidência subiu de 579,3 para 630,8 casos de infeção por SARS-CoV-2 por 100 mil habitantes, a nível nacional. Descontando as ilhas, a subida foi de 582,3 para 633,1. O índice de transmissão, o R (t) subiu de 1,07 para 1,11.

Esta sexta-feira, há ainda a assinalar um aumento do número de casos ativos - mais 7304, num total de 91 947 - e o aumento dos contactos em vigilância - mais 6043, num total de 118 460. O boletim indica ainda que há mais 5628 recuperados, num total de 1 155 239.

Desde o início da pandemia, em março de 2020, a Direção-Geral da Saúde (DGS) registou um total de 1 266 037 casos de infeção e 18 851 mortes associadas à doença.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG