Peditório

Quer ser voluntário? A Liga Contra o Cancro está a precisar

Quer ser voluntário? A Liga Contra o Cancro está a precisar

A Liga Portuguesa Contra o Cancro (LPCC) inicia, esta quinta-feira, o seu peditório nacional e continua a aceitar voluntários.

Até domingo, serão cerca de 16 mil as pessoas que vão estar pelas ruas, para, junto da população, angariar dinheiro que permita subsidiar a atividade da instituição.

Os voluntários vão percorrer as ruas, identificados com o colete da instituição e com os habituais cofres lacrados, com o símbolo da LPCC. E quem quiser ainda pode candidatar-se a voluntário, no site da Liga ou contactando diretamente os núcleos regionais da instituição. "O número de voluntários que temos é elevado, mas ainda aquém do que precisamos, para que possamos ter uma presença mais efetiva nos locais onde estaremos presentes, assim como alargar a novos locais", disse ao JN fonte oficial da instituição, realçando que "estes voluntários ainda se podem inscrever e podem participar nos dias todos do peditório ou, apenas, num qualquer período, mediante a sua disponibilidade".

Nos últimos três anos, em média, o peditório anual rendeu cerca de 1,7 milhões de euros. Custear as diversas atividades da Liga e divulgar, ao mesmo tempo, a sua missão e serviços é o objetivo desta angariação de fundos. Entre as iniciativas da instituição encontram-se "a sensibilização para a prevenção do cancro", o "apoio material, psicológico e jurídico gratuito aos doentes" e, ainda, "a promoção da formação e investigação em oncologia, com um elevado número de bolsas atribuído, anualmente, como incentivo ao conhecimento da doença".

Pelo terceiro ano consecutivo, Cristiano Ronaldo é a figura pública que apadrinha o peditório e a LPCC admite que o seu apoio se traduziu num aumento de receitas. Além disso, "o Cristiano simboliza a persistência, a determinação e a capacidade de superação, características fundamentais na luta contra o cancro".