Contágio

"R" em Portugal é de 1,01

"R" em Portugal é de 1,01

A ministra da Saúde, Marta Temido, afirmou este sábado que o chamado R, número de pessoas que um infetado contamina em média, foi de 1,01 entre os dias 29 de maio e 2 de junho.

"Essa média variou de 0,89 no Norte, 1,09 na região Centro e 1,02 na região de Lisboa e Vale do Tejo", afirmou a responsável, na conferência de imprensa de apresentação do boletim epidemiológico.

Lisboa e Vale do Tejo (LVT) continua a ser a região do país com mais casos diários detetados de infeção por covid-19, com 90% dos 382 reportados este sábado.

A região de LVT, onde nos últimos dias se tem concentrado a realização de testes para detetar a doença, tem hoje 90% dos novos casos, após ter registado 89% das infeções na sexta-feira, 93,3% na quinta-feira, 91,5% na quarta-feira e 81,02% na terça-feira.

Marta Temido esclareceu ainda que os 382 novos casos reportados estão distribuídos regionalmente da seguinte forma: Lisboa e Vale do Tejo com 345, Norte com 21, Centro com 10, Alentejo três, Algarve dois e Açores um. A Região Autónoma da Madeira não registou novas infeções nas últimas 24 horas.