Exclusivo

Reforço de vacina e teste a viajantes dividem especialistas

Reforço de vacina e teste a viajantes dividem especialistas

A necessidade de testes à covid-19 para viajar, mesmo para pessoas completamente vacinadas, e uma terceira dose de vacinação, que o Governo ontem afastou, dividem especialistas, face a surtos que atingem imunizados há mais de seis meses.

A discussão instalou-se com a publicitação de um estudo da Universidade do Massachusetts (EUA) sobre um surto que atingiu 900 pessoas, três quartos das quais tinham vacinação completa, mas apresentavam uma carga viral idêntica à que teriam sem vacina.

"É um estudo entre muitos outros", relativiza, ao JN, o epidemiologista Manuel Carmo Gomes, do Instituto de Medicina Molecular (IMM). Já se sabia que as vacinas não são 100% eficazes e que para a variante Delta, "vedeta" no estudo, a proteção é muito menor.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG