O Jogo ao Vivo

Nacional

Revista Fortune compara Teixeira dos Santos a executivos de Wall Street caídos em desgraça

Revista Fortune compara Teixeira dos Santos a executivos de Wall Street caídos em desgraça

O ministro das Finanças fez "a sua melhor imitação" dos executivos de Wall Street caídos em desgraça Dick Fuld e Jimmy Cayne, ao culpar especuladores pela crise das finanças públicas, escreve o analista Colin Barr no blogue da revista Fortune.

"Depois de insistir durante semanas que não seriam forçados a um resgate (...), os responsáveis portugueses cederam ao inevitável", pedindo ajuda à União Europeia, adianta Carr, jornalista e analista financeiro da Fortune.com.

Ao "atirar a toalha", Teixeira dos Santos "fez a sua melhor imitação dos caídos executivos de Wall Street, Dick Fuld (Lehman Brothers) e Jimmy Cayne (Bear Sterns)", culpando "não as políticas do seu governo ou o mau desempenho económico, mas os maléficos especuladores que alegou terem entregue Portugal injustamente nos braços de credores externos que vão exigir termos duros".

Carr sublinha que o país tem um défice orçamental há anos, que a economia tem estado anémica e que a dívida pública é elevada e com tendência para subir.

Após a ajuda a Portugal, Irlanda e Grécia, a Espanha pode ser o próximo a seguir esta via, mas por enquanto "parece segura", tendo em conta a taxa de juro das suas obrigações a 10 anos, apenas 1,8 pontos percentuais acima das alemãs.

"Não é um spread invulgar e diz-nos que os participantes no mercado não estão excessivamente nervosos em relação às finanças do país. Mas nunca se sabe ao certo, como os portugueses podem atestar, quando as coisas se podem complicar".

Outras Notícias