Votação

Rio diz que apoiar Orçamento Suplementar era vital para o país

Rio diz que apoiar Orçamento Suplementar era vital para o país

O líder do PSD, Rui Rio, justificou a abstenção do PSD, esta sexta-feira, na votação final global do Orçamento Suplementar, como sendo vital para o país: "sem o Orçamento, em setembro ou outubro deixava de haver dinheiro".

"Votar contra o orçamento suplementar não faz sentido nenhum a não ser por tática partidária", disse o líder do PSD aos jornalistas no final da votação, recusando a leitura de que tenha dado a mão ao PS. "O PSD deu a mão ao país", disse, recusando que possam ser feitas leituras para o futuro mas reconhecendo que "houve alguma abertura" do Governo para fazer alterações, em temas como o apoio com os sócios-gerentes.

O líder do PSD diz que esta abstenção em nada compromete o partido com o Orçamento de 2021.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG